Fechar
Metadados

%0 Conference Proceedings
%4 sid.inpe.br/mtc-m16d/2019/11.27.18.56
%2 sid.inpe.br/mtc-m16d/2019/11.27.18.56.02
%@issn 2179-4847
%A Zioti, Fabiana,
%A Queiroz, Gilberto Ribeiro de,
%A Ferreira, Karine Reis,
%@affiliation Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
%@affiliation Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
%@affiliation Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
%@electronicmailaddress fabi.zioti@gmail.com
%@electronicmailaddress gilberto.queiroz@inpe.br
%@electronicmailaddress karine.ferreira@inpe.br
%T Análise de ferramentas para processamento de grandes volumes de dados espaço-temporais
%B Simpósio Brasileiro de Geoinformática (GEOINFO)
%D 2019
%E Lisboa Filho, Jugurta,
%E Monteiro, Antonio Miguel Vieira,
%S Anais do 20º Simpósio Brasileiro de Geoinformática
%8 11 -13 nov. 2019
%J São José dos Campos
%I Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
%C São José dos Campos
%K geoinformatica.
%X Dados espaciais desempenham um papel crucial em estudos socioambientais para definições de políticas e práticas públicas que diminuam o impacto das atividades humanas sobre o meio ambiente. Atualmente, o grande volume de dados espaço-temporais e de imagens de observação da Terra trazem novos desafios às diversas áreas da ciência, em especial à computação. Neste contexto, esse trabalho apresenta uma an´alise das ferramentas computacionais SpatialHadoop, ST-Hadoop e Geospark para processar grandes volumes de dados espaço-temporais. Essa análise foi realizada através de um experimento com dados produzidos por projetos de monitoramento ambiental do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE).
%1 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
%@language pt
%3 255-260.pdf


Fechar