Fechar
Metadados

@InProceedings{Mand˙NickNascJaco:2020:InOnCa,
               author = "Mand{\'u}, Tiago Bentes and Nick, Let{\'{\i}}cia Moreira and 
                         Nascimento, Ana Lucia da Silva and Jacondino, William Duarte",
          affiliation = "{Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)} and 
                         {Universidade Federal de Pelotas (UFPel)} and {Instituto Nacional 
                         de Pesquisas Espaciais (INPE)} and {Instituto Nacional de 
                         Pesquisas Espaciais (INPE)}",
                title = "Influ{\^e}ncia das ondas de calor e de frio no conforto 
                         t{\'e}rmico humano em Pelotas durante o ver{\~a}o e inverno",
            booktitle = "Resumos.../P{\^o}steres",
                 year = "2020",
               editor = "Galetti, Giovana Deponte and Sena, Caio {\'A}tila Pereira and 
                         Mand{\'u}, Tiago Bentes and Jacondino, William Duarte and Alves, 
                         Laurizio Emanuel Ribeiro and Afonso, Eliseu Oliveira Afonso",
         organization = "Encontro dos Alunos de P{\'o}s-Gradua{\c{c}}{\~a}o em 
                         Meteorologia do CPTEC/INPE, 19. (EPGMET)",
            publisher = "Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)",
              address = "S{\~a}o Jos{\'e} dos Campos",
             keywords = "Biometeorologia humana, {\'{\I}}ndice de temperatura efetiva, 
                         Eventos extremos de temperatura.",
             abstract = "O conforto t{\'e}rmico humano {\'e} o par{\^a}metro 
                         meteorol{\'o}gico que mensura o qu{\~a}o confort{\'a}vel 
                         s{\~a}o as condi{\c{c}}{\~o}es t{\'e}rmicas onde os seres 
                         humanos est{\~a}o inseridos. Eventos extremos de temperatura 
                         persistentes associados ao calor e frio s{\~a}o conhecidos como 
                         Ondas de Calor (OC) e Ondas de Frio (OF) e estudos recentes 
                         apontam suas influencias nas condi{\c{c}}{\~o}es t{\'e}rmicas 
                         sentidas pelas pessoas. Este trabalho teve por objetivo avaliar o 
                         impacto das OC e OF no conforto t{\'e}rmico humano dos habitantes 
                         da cidade de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil durante o 
                         ver{\~a}o e inverno. Foram utilizados dados de temperatura e 
                         umidade relativa do ar do hor{\'a}rio 18:00 UTC para o 
                         per{\'{\i}}odo de 1961-2019, coletados da esta{\c{c}}{\~a}o 
                         meteorol{\'o}gica convencional n{\'u}mero 83985 pertencente ao 
                         Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) situada no 
                         per{\'{\i}}metro urbano de Pelotas. O conforto t{\'e}rmico 
                         humano foi estimado a partir do {\'{\i}}ndice de Temperatura 
                         Efetiva (TE) e a interpreta{\c{c}}{\~a}o do TE foi realizada a 
                         partir da Temperatura Equivalente Percebida (TEP). As OC (OF) 
                         foram identificadas considerando um per{\'{\i}}odo de pelo menos 
                         tr{\^e}s dias consecutivos com temperatura do ar acima (abaixo) 
                         do percentil 90 (Percentil 10) durante o per{\'{\i}}odo 
                         climatol{\'o}gico de refer{\^e}ncia. As an{\'a}lises foram 
                         conduzidas durantes as esta{\c{c}}{\~o}es de ver{\~a}o e 
                         inverno austral, comparando a porcentagem de dias na aus{\^e}ncia 
                         e presen{\c{c}}a das OC e OF nas escalas do TEP. Os resultados 
                         mostraram que durante o ver{\~a}o foram observados 11 e 598 
                         epis{\'o}dios de OC e OF, respectivamente. Na presen{\c{c}}a das 
                         OC n{\~a}o foram observados dias nas escalas de frio e baixa 
                         porcentagem na neutralidade (0,4%) e calor (0,2%). J{\'a} na 
                         aus{\^e}ncia das OC um total de 85,5% dos dias estavam na faixa 
                         de frio, 11,2% de neutralidade, 4,2% dos dias foram quentes, 
                         durante as OF, 52,4% dos dias foram frios, 9,8% neutros e 2,3% de 
                         calor, j{\'a} na aus{\^e}ncia das OF, 33,3% foram frios, 1,7% 
                         neutros e 0,6% de calor. No inverno ocorreram 11 (484) eventos de 
                         OC (OF), com os dias na presen{\c{c}}a de OC apresentando 
                         similaridade do observado no ver{\~a}o. Na aus{\^e}ncia das OC, 
                         76,3% dos dias foram frios, 19,3% neutros e 3,7% quentes, durante 
                         as OF, 39,5% dos dias foram frios, 16,6% neutros e 3,2% quentes; 
                         os dias sem OF foram 36,9% frios, 3,0% neutros e apenas 0,9% 
                         quentes. Os resultados apontam uma maior preval{\^e}ncia das OF 
                         com forte influ{\^e}ncia dos dois extremos de temperatura na 
                         sensa{\c{c}}{\~a}o t{\'e}rmica percebida pelos moradores de 
                         Pelotas, que podem impactar diretamente na sa{\'u}de e bem-estar 
                         desta popula{\c{c}}{\~a}o.",
  conference-location = "Online",
      conference-year = "16-19 nov. 2020",
             language = "pt",
         organisation = "Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)",
                  ibi = "8JMKD3MGPDW34R/43MJ74B",
                  url = "http://urlib.net/rep/8JMKD3MGPDW34R/43MJ74B",
           targetfile = "GT5_TIAGOMANDU - Tiago Bentes Mand{\'u}.pdf",
                 type = "Meteorologia Ambiental",
        urlaccessdate = "19 jan. 2021"
}


Fechar